terça-feira, 22 de setembro de 2009

A Política Local Contada Às Criancinhas…


…ou a arte de falar sem dizer nada em duzentas e cinquenta palavras.

No tempo em que o Eng.º Sócrates mandou asfixiar democraticamente a sua mandatária para a juventude, Carolina Aparta-me-o-Caroço, ouvir falar o respectivo homólogo da candidatura do Eng.º Vítor Ferreira à CMG é um regalo para os ouvidos e um mais que perfeito hino à liberdade de expressão. A ele, não há quem o cale. E fala assim, sem espinhas:

“Então, na política, à semelhança das outras ciências sociais e humanas, a ruptura é a única forma de progresso. A mudança, a alteração, o melhoramento é a única forma de progredirmos, de seguirmos em frente. É isto que se passa em Guimarães. A Câmara Municipal, neste momento, acabou o seu tempo de vida. É altura de inovar, é altura de trazer novas ideias, é altura de repensar a cidade de outra forma, com outros olhos. Desta forma, o PSD, com o seu candidato, engenheiro Vítor Ferreira, traz à cidade novas ideias, traz à cidade, novos conceitos, novas personalidades e novos valores. A cidade, vista pelo engenheiro Vítor Ferreira, será uma cidade renovada, uma cidade em evolução, uma cidade que se irá renovando. É desta forma que eu apoio impreterivelmente a candidatura do doutor Vítor Ferreira e aceitei a nomeação para o cargo de mandatário da juventude na medida em que acho que o doutor Vítor Ferreira tem as medidas que premeiam de uma forma mais efectiva e de uma forma mais profunda os jovens. Desta forma são tanto premiados os jovens que têm as oportunidades, como aqueles que, devido a problemas sócio-económicos, não as têm. Desta forma, penso que se os vimaranenses forem espertos, souberem pensar e neste caso, muito especificamente, a juventude vimaranense, se a juventude olhar para Guimarães com o ímpeto que lhes é característico, irá ver no doutor Vítor Ferreira a solução, a alternativa. A alternativa certa para termos uma Câmara mais forte, uma Câmara melhor.”


Em aqui chegado, fico sem palavras e com uma certeza: este rapaz vai longe!

6 comentários:

  1. Vai vai! A malta nova consegue mais cinzenta que os veteranos. Irra!

    ResponderExcluir
  2. estão bem um pr'outro.

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho que para mim...na minha ideia...que o mocinho...enfim...coiso...e tal...e portanto...

    ResponderExcluir
  4. Já agora, de acordo com o discurso do mocinho, fiquei na dúvida...
    O candidato é Eng. ou Dr.???

    ResponderExcluir
  5. forma... forma... forma... forma... discurso incompreensível! coitado.

    ResponderExcluir
  6. Fala-se muito e lê-se pouco, depois aí estão as calindas na língua.Aconselho o moço a ver/ ouvir e ler o Bom Português na RTP e a ler os discursos, por exemplo, do Almeida Santos ...

    ResponderExcluir

Avisam-se todos os nossos clientes que a tabuleta onde se lê RESERVADO O DIREITO DE ADMISSÃO tem uma função meramente decorativa. Neste café pratica-se a liberdade de expressão, absoluta até certo ponto. Qual ponto? É o que falta saber.